Crisântemo

Crisântemos
Crisântemos - imagem original: JD - Licença Creative Commons

O crisântemo é uma planta que tem sido cultivada na China por milênios, havendo atualmente no mundo um grande número de variedades cultivadas. No Japão, um dos países onde esta flor é muito apreciada, o crisântemo é visto como um símbolo do sol e do imperador, e há até mesmo um dia nacional do crisântemo, chamado de festival da felicidade, para celebrá-la.

As milhares de variedades cultivadas existentes vão desde cultivares anões com aproximadamente 30 cm de altura a plantas com cerca de 1 m de altura, cujos botões florais são por vezes retirados para que se desenvolva uma única grande inflorescência no ápice da planta. As inflorescências variam bastante na forma e nas cores, e podem ser classificadas, por exemplo, como simples, semidobradas, bola, pompom, anêmona e spider. Quanto a cor podem ser amarelas, brancas, cor-de-rosa, vermelhas e também de tons intermediários entre estas cores.

As flores do crisântemo são comestíveis, e são usadas para fazer chá na China e em alguns países da Ásia, mas plantas cultivadas para fins ornamentais são geralmente inadequadas para consumo, pois podem conter pesticidas e outras substâncias tóxicas.

Crisântemos cor-de-rosa
As inflorescências do crisântemo variam bastante na forma e nas cores, havendo um grande número de cultivares disponíveis para cultivo - imagem original: Jebulon - Licença Creative Commons

Nome científico:

Chrysanthemum morifolium, por vezes também denominado Chrysanthemum hortorum e Chrysanthemum grandiflorum.

Origem:

Ásia (China).

Crisântemo
O crisântemo floresce geralmente no outono ou no inverno, dependendo da localização - imagem original: jardim.info - Licença Creative Commons

Clima

Pode ser cultivado em vários tipos de clima. Cresce melhor com temperaturas entre 15°C e 28°C, com alta umidade relativa do ar.

Iluminação:

Luz solar direta ou sombra parcial com boa luminosidade.

Crisântemos spider
Crisântemos do tipo spider - imagem original: tata_aka_T - Licença Creative Commons

Irrigação:

O solo deve permanecer sempre úmido, mas sem ficar encharcado.

Solo:

O ideal é um solo bem drenado, fértil, rico em matéria orgânica e com pH entre 6 e 7.

Crisântemos anêmona
Crisântemos do tipo anêmona - imagem original: Guilhem Vellut - Licença Creative Commons

Época de floração:

Crisântemos são plantas de dias curtos, e florescem quando os dias começam a diminuir e as noites a aumentar em duração. Portanto florescem no outono ou no inverno, dependendo da região. Em regiões de baixa latitude, não floresce naturalmente.

As plantas podem ser induzidas a florir encurtando artificialmente o dia, por exemplo, cobrindo as plantas com um plástico opaco escuro algumas horas antes do anoitecer e descobrindo algumas horas depois do nascer do sol, deixando a duração da noite em 12 a 15 h.

Ciclo de cultivo

Plantas perenes, mas são algumas vezes cultivadas como anuais. É recomendado dividi-las e replantá-las a cada três anos, caso sejam mantidas como plantas perenes.

Crisântemos bola ou globosos
Crisântemos do tipo bola ou globoso - imagem original: katorisi - Licença Creative Commons

Propagação:

Por sementes: as sementes podem ser semeadas no local definitivo ou em sementeiras, transplantando as mudas com cuidado quando estas têm de 4 ou 6 folhas verdadeiras. As sementes de crisântemo são pequenas e devem ser semeadas superficialmente, embora também seja possível cobrir com uma leve camada de terra peneirada, areia ou serragem fina. A germinação das sementes normalmente demora entre uma e três semanas.

Por estaquia, plantando ramos terminais cortados com pelo menos 4 cm de comprimento.

Por divisão de plantas com dois anos ou mais.

Crisântemos de várias cores
O crisântemo somente floresce onde as noites ficam mais longas durante o outono ou inverno. Assim, o crisântemo não floresce naturalmente nas regiões mais próximas do equador terrestre - imagem original: Guilhem Vellut - Licença Creative Commons

Espaçamento recomendado entre plantas

30 a 90 cm, dependendo do tamanho do cultivar.